Plantão de Escuta Psicológica abre inscrições para sessões de terapia gratuita em Campina Grande

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Para agendar gratuitamente uma consulta, os interessados devem marcar um horário para fazer a sessão de escuta com um psicólogo por meio do número (83) 98137-4538.

A Secretaria de Saúde da Prefeitura de Campina Grande, por meio do Programa Saudavelmente, iniciou nesta segunda-feira (20), o Plantão de Escuta Psicológica. Para agendar gratuitamente uma consulta, os interessados devem marcar um horário para fazer a sessão de escuta com um psicólogo por meio do número (83) 98137-4538. O plantão acontecerá até a próxima sexta-feira, 24 de setembro.

“A escuta psicológica é uma ferramenta que desempenha um papel fundamental de ouvir, acolher e, quando necessário, fazer o encaminhamento para o tratamento de um serviço especializado na rede municipal de saúde, que conta com unidades de acolhimento e profissionais multidisciplinares para o recebimento das pessoas que mostrarem essa necessidade”, disse a coordenadora Municipal da Rede de Saúde Mental, Lívia Sales.

O número de WhatsApp está disponível para todas as pessoas que se encontram em sofrimento psíquico e necessitam de uma ajuda profissional para superar esse momento. Após esse contato, a equipe fará a marcação e indicativos de onde acontecerão os atendimentos.

Nesta segunda-feira, os atendimentos aconteceram na clínica Pulsar. De terça até a sexta-feira as sessões serão realizadas na Comunidade de São Pio X, localizada na Rua Afonso Pena, 61, Centro. Outras informações sobre os serviços da saúde mental podem ser repassadas pelo mesmo contato telefônico.

Neste mês, durante a campanha, a Secretaria Municipal de Saúde também realizou outras ações para o acesso da população aos serviços profissionais de saúde mental, como a expansão do Ambulatório de Saúde Mental do Centro de Saúde do Catolé, que agora está com número maior de salas e profissionais médicos, psicólogos e psiquiatras.

De acordo com o moderador da Comunidade de São Pio X, Gustavo Lucena, “é importante para a Comunidade de São Pio X, através da sua Mantenedora, estabelecer parcerias para esse cuidado, esse amparo, parcerias com órgãos públicos dentro de campanhas que movem toda a sociedade” destacou.

Fonte: clickpb.com.br

Open chat
Olá, irmã(o). Em que posso lhe ajudar?