Novena São José Trabalhador

São José Trabalhador, rogai pelos trabalhadores.

São José Trabalhador, rogai por todos que estão em crise financeira.

São José Trabalhador, rogai em particular por esta causa que apresento:

(Dizer a intenção)

Senhor Jesus, o trabalho dignifica o ser humano e já na Criação é algo pensado e abençoado como sustento da vida humana.

Senhor Jesus, enquanto estiveste neste mundo, foste um humilde carpinteiro. Foste compassivo e misericordioso com os pobres, excluídos e necessitados. Por isto, Senhor, por intercessão de São José, olhai com especial atenção os que hoje mais sofrem e necessitam.

Senhor, nós cremos na tua promessa que ao bater, a porta será aberta e por isso rogamos que no mundo inteiro e em especial no Brasil, por intercessão de São José Trabalhador, as decisões políticas e sociais ajudem os trabalhadores a serem mantidos no seu trabalho.

São José, provedor. São José, defensor da Sagrada Família, suplicamos sua intercessão para que todos possam ter o pão de cada dia, moradia, dignidade, saúde e proteção.

Ilumina, Senhor, por intercessão de São José, os empregadores. Que sejam compassivos e tomem decisões acertadas para o negócio e também para a sociedade. Amparai, Senhor, todos os trabalhadores: autônomos, com ou sem carteira assinada, empreendedores, donos de pequenas, médias e grandes empresas.

São José Trabalhador, rogai pelos trabalhadores.

São José Trabalhador, rogai por todos que estão em crise financeira.

São José Trabalhador, rogai em particular por esta causa que novamente apresento:

(Dizer mais uma vez a causa)

 Senhor, eu confio na Tua Graça.

Senhor, eu confio no Teu Poder.

Amém.

 

Oração a São José, composta por São Pio X

“Glorioso São José, modelo de todos os que se dedicam ao trabalho, obtende-me a graça de trabalhar com espírito de penitência para expiação de meus numerosos pecados;

De trabalhar com consciência, pondo o culto do dever acima de minhas inclinações;

De trabalhar com recolhimento e alegria, olhando como uma honra empregar e desenvolver pelo trabalho os dons recebidos de Deus;

De trabalhar com ordem, paz, moderação e paciência, sem nunca recuar perante o cansaço e as dificuldades;

De trabalhar, sobretudo com pureza de intenção e com desapego de mim mesmo, tendo sempre diante dos olhos a morte e a conta que deverei dar do tempo perdido, dos talentos inutilizados, do bem omitido e da vã complacência nos sucessos, tão funesta à obra de Deus!

Tudo por Jesus, tudo por Maria, tudo à vossa imitação, oh! Patriarca São José!

Tal será a minha divisa na vida e na morte. Amém.”

Open chat
Olá, irmã(o). Em que posso lhe ajudar?